Entenda mais sobre a importância de ter estratégias diferenciadas para valorizar e reter o cliente interno

Primeiramente, vale lembrarmos que no mês de março celebramos o Dia do Consumidor. Por isso, vimos muitas ações de engajamento ou promoções especiais em homenagem a data. Mas, será que os gestores devem ter esse olhar atento apenas para os consumidores externos?  Como as empresas podem cuidar do cliente interno?

Isso mesmo, engana-se quem pensa que o segredo para o sucesso de uma empresa é focar apenas no cliente final. É sempre importante lembrarmos que os colaboradores são os primeiros clientes de qualquer negócio. Afinal, é através deles que o dono do negócio conseguirá viabilizar toda a operação.

Vamos aprender mais sobre o assunto? Continue a leitura!

Quem é o cliente interno do RH?

Em primeiro lugar, vale lembrar que o cliente interno do RH são todos os colaboradores que trabalham na organização. Desde os gestores do nível mais alto até os profissionais da base. Ou seja, as ações traçadas pela equipe de gestão de pessoas precisam sempre englobar todos os níveis do negócio.

Lembre-se sempre que é apenas com o esforço, colaboração e capacitação da equipe de profissionais que a empresa será capaz de gerar faturamento e atrair novos consumidores. Então, quanto mais preparada e desenvolvida for a sua equipe, melhor.

Valorizar os colaboradores é fundamental para o sucesso!

Já falamos aqui em nosso blog sobre a importância da retenção de talentos. Agora, fica ainda mais fácil de entender porque as empresas e equipes de RH estão cada vez mais preocupadas em oferecer soluções humanizadas para os colaboradores.

Quanto melhor forem as condições de trabalho, o clima, cultura organizacional, os benefícios, a liderança e os planos de desenvolvimento profissional, maiores as chances de atrair e reter profissionais qualificados.

No fim das contas, o RH acaba ocupando um papel muito estratégico para a boa performance do negócio como um todo. E isso impacta também na satisfação, fidelização e credibilidade do cliente final.

Por isso, temos uma reflexão: será que o seu cliente interno está satisfeito?

A satisfação do cliente interno é importante?

Sim! Ela tem a mesma importância que a do cliente externo. E não é difícil entender o motivo.

Por exemplo, você sabe que um cliente insatisfeito acaba divulgando reclamações que interferem na imagem do negócio, certo? Esse cliente faz uma propaganda negativa do seu serviço, produto ou empresa e acaba minando a sua credibilidade com outros consumidores.

O mesmo acontece com o cliente interno. Os colaboradores insatisfeitos acabam espalhando reclamações, reforçando os pontos fracos do negócio ou até mesmo aumentando alguns problemas. Logo, isso pode atrapalhar não apenas no resultado das vendas, mas também na atração ou contratação de bons profissionais.

Afinal, quem vai querer fechar negócio ou trabalhar em uma empresa ruim?

Escute a opinião da sua equipe

Primeiramente, a equipe de RH precisa elaborar um questionário em parceria com os gestores das áreas para conseguir mensurar a satisfação interna. Abrir canais de comunicação e permitir que os colaboradores expressem com clareza e transparência os seus sentimentos, opiniões e insatisfações é fundamental.

Com esses dados, os gestores conseguirão compreender o cenário atual. Esse questionário também pode servir como norte para coletar sugestões de melhorias. Dessa forma, será possível traçar ações de valorização, engajamento, desenvolvimento e retenção. E o mais importante, durante o ano todo!

Melhore as entregas do RH

Por fim, vale reforçar que a equipe de RH precisa buscar ferramentas e inovações disponíveis no mercado para melhorar constantemente as entregas para o cliente interno.

Nesse sentido, uma das opções preferida pelas empresas é a análise de perfil comportamental DISC. Por ser uma ferramenta compartilhada por RH e gestores, que ajuda a dar mais qualidade aos processos que envolvem as pessoas, ela se torna um instrumento indispensável.

E o melhor, ela também ajuda na otimização de vários processos como: recrutamento e seleção; desenvolvimento e produtividade; redução de turnover; identificação de talentos; promoções e demissões; plano de sucessão e muito mais!

Mas, atenção! Lembre-se que esse cuidado com os clientes do negócio, sejam internos ou externos, devem ser frequentes e não apenas restrito a uma data. Combinado?

E para receber mais dicas sobre gestão de pessoas, RH e perfil DISC, acompanhe nossas mídias sociais: Instagram, Linkedin, Facebook. 

Posts Relacionados

Fale com a gente

(21) 3747-1799
contato@idealdisc.com.br
Rua da Quitanda, 86, 2º andar. Centro – Rio de Janeiro - RJ CEP: 20091-005